São João

Cuidado com o seu veículo no período junino

No São João, muitos seguem para as cidades tradicionalmente mais festivas, aumentando os números de veículos na rodovias. Revisar o veículo é palavra de ordem

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 23/06/2018 12:00 / atualizado em 21/06/2018 19:45
As festas do período junino são mais do que esperadas no Nordeste. Nessa época, é comum algumas famílias se organizarem para pegar a estrada e forrozar no Agreste ou seguem para até mais longe, como para Paraíba, curtir o forró em Campina Grande. No entanto, o momento é de deixar a casa organizada, arrumar a mala e fazer revisão preventiva no veículo. Até porque, no período, com o aumento de fluxo nas rodovias, crescem os números de registro de ocorrências de trânsito. Caruaru e Gravatá, por exemplo, ficam lotadas. Então, para evitar contratempos, corra e deixe o seu carro em uma oficina mecânica de confiança. Sim, ainda dá tempo.
Adriano Lira mapeia os postos por onde vai passar  - Adriano Lira / Arquivo Pessoal Adriano Lira mapeia os postos por onde vai passar

Para a enfermeira Viviane Oliveira, a revisão preventiva é de extrema importância em qualquer época do ano. “Eu faço sempre. Viajando ou não, sempre deixo o carro na oficina”, explica. Segundo o chefe de oficina da Disnove, Genildo Justino, o procedimento pode evitar acidente e salvar vidas. “Nas revisões, as peças que mais trocamos são as pastilhas de freios, óleo e os filtros de óleo, ou seja, são as que mais apresentam defeito. É muito perigoso”, alerta. O especialista lembra que o cuidado tem que ser redobrado com os itens de segurança, como freios, pneus, palheta de para-brisa, óleo de freio e motor, luzes e amortecedores, dependendo da quilometragem do veículo.  “A gente costuma resolver esses problemas em 4 horas de serviço, em média”, promete. Não esqueça também de checar se as suas ferramentas estão no lugar certo, assim como o triângulo. Lembre-se também de olhar o estepe.

Toda viagem requer planejamento, seja de carro, avião ou moto. Para os que amam adrenalina, curtem sentir aquela brisa no rosto e se aventurar, organização pré-viagem é ainda mais indispensável. Entre as rodovias pernambucanas, segundo dados do Departamento Estadual de Trânsito, Detran-PE, cerca de 74% dos acidentes de trânsito envolvem motociclistas. De acordo com o órgão, atitudes como pilotar com atenção e cuidado, sempre dotados de equipamentos de proteção, podem contribuir para um trânsito mais eficiente e seguro.

A revisão é um ponto crucial também para quem vai viajar pilotando. Os veículos podem quebrar a qualquer momento, mas prevenir será sempre a melhor alternativa. Os itens que devem ser revisados são pneus, óleos, freios, luzes do farol e das setas, correntes ou correias, cabos da motocicleta, filtro de combustível e bateria, que por vezes causa problemas, mas que não é revisada com frequência por ser de difícil acesso. Sempre que vai viajar, o supervisor de vendas Adriano Lira, que pilota há quase sete anos, faz revisão e monta um roteiro para não ter contratempos. “Tenho uma moto esportiva, então ela consome muita gasolina. Eu sempre faço um mapeamento dos postos de gasolina por onde vou passar para me organizar e abastecer”, explica. Além disso, Adriano utiliza todos os equipamentos de segurança obrigatórios. “Uso bota, calça, luva, jaqueta, balaclava e capacete”, garante. Os valores das revisões variam de acordo com a quilometragem do veículo. No entanto, o preço, que por vezes é considerado alto para a maioria, não pode ser fator determinante para não fazer o serviço. É segurança em jogo.
Encontre seu veículo

Veículos

Últimas notícias

ver todas
17 de julho de 2018