Fraude

Mercedes-Benz é acusada de fraude em teste de emissões de poluentes

Ação coletiva acusa fabricante alemã de ter dispositvo fraudulento em veículos movidos a diesel que circulam nos EUA

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 19/02/2016 15:42

A Mercedes-Benz está sendo acusada pela venda de automóveis a diesel nos Estados Unidos que emitem níveis de óxido de nitrogênio superiores ao autorizado e por ocultar esse mecanismo ao órgão regulador do setor. A acusação vem de uma ação coletiva apresentada em uma corte federal no estado de Nova Jersey, que também relaciona 14 modelos de automóveis fabricados pela empresa do grupo Daimler, que conteria a tecnologia fraudulenta.

 

Mercedes / Divulgação
 

 

De acordo com o texto da ação, as declarações da Mercedes de que sua tecnologia diesel chamada "BlueTEC" é a "mais limpa do mundo" são "enganosas e falsas". É afirmado que a emissão de poluentes seria mais alta com temperaturas abaixo de 10ºC, o que produz emissões 19 vezes mais abundantes do que o limite nos Estados Unidos, alcançando, em alguns casos, um nível 65 vezes mais alto.

A Mercedes, por meio de um porta-voz, divulgou que a ação não tem fundamento e está se organizando para uma defesa.  

 

Em 2015 a Volkswagen foi descoberto um grande escândalo da Volkswagen sobre fraude de emissões nos veículos também nos EUA. Para saber mais, clique aqui.

 

 

Tags: renault

Encontre seu veículo

Veículos

Últimas notícias

ver todas
15 de dezembro de 2017