Avanço

Nissan produzirá baterias para veículos elétricos

Na sua fábrica da Inglaterra, montadora anuncia produção de baterias para os Evs

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 25/01/2016 16:19 Thainá Nogueira /Diario de Pernambuco

A montadora, que já tem o destaque de vendas com o Nissan LEAF, veículo totalmente elétrico, dá mais um passo em relação à um futuro 100% EV. Ela anunciou produção de baterias para os seus veículos que não utilizam gasolina ou álcool como combustível, e sim energia, nas instalações de manufatura da empresa em Sunderland, no Reino Unido.

 

Nissan Leaf é sucesso de vendas na categoria dos elétricos  - Net Car Show / Divulgação Nissan Leaf é sucesso de vendas na categoria dos elétricos
 

 

Com investimento de 26,5 milhões de libras (cerca de R$ 156 milhões), este passo representa também mais 300 postos de trabalho na fábrica, que é um dos três locais de produção global de baterias da Nissan, e fornece módulos para, além do Leaf, a van elétrica e-NV200, que é fabricada em Barcelona, na Espanha.

Apenas em 2015, a Nissan vendeu 43.651 veículos LEAF em todo o mundo, sendo 15.630 na Europa. O presidente da Nissan na Europa, Paul Willcox, afirmou que a grande venda desse modelo foi o que impulsionou a montadora em continuar investindo e acreditando no futuro elétrico. “O Nissan LEAF transformou o desempenho e a percepção dos veículos elétricos e fez da Nissan o líder incontestável na tecnologia de veículos elétricos. Este anúncio reflete a intenção da Nissan em permanecer líder em veículos elétricos por muitos anos, com as nossas operações europeias como centro das nossas futuras inovações”, comenta.

 

Nissan Leaf 2016 - Net Car Show / Divulgação Nissan Leaf 2016

 

 

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação
600
Encontre seu veículo
O ano inicial não pode ser maior que o ano final.
O preço inicial não pode ser maior que o preço final.

Refinar busca

Últimas notícias

ver todas
17 de janeiro de 2017
16 de janeiro de 2017