Poluição

Volkswagen, BMW e Daimler são acusadas de testar efeitos do diesel em macacos

As marcas financiaram estudos que utilizavam testes em animais para defender o uso de diesel nos carros

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 29/01/2018 18:36


Peu Ricardo/ DP
 
As montadoras alemãs Volkswagen, BMW, Daimler (dona da Mercedes-Benz) e Bosch são acusadas por jornais dos EUAS e da Alemanha a testar emissão de poluentes com macacos e seres humanos. Segundo a revelação do jornal The New York Times, os teste foram realizados em 2014 em território americano por uma organização europeia de saúde no setor do transporte, o UEGT, na época, financiada pelas quatro marcas.
Na denúncia, o New York Times afirma que dez macacos foram expostos a fumaça expelida por um Volksvagen Beetle, para analisar os efeitos na saúde dos animais. Esse teste ocorreu após a Organização Mundial da Saúde classificar como cancerígenas as emissões do diesel em 2012.
Beetle foi utilizado em testes com macacos - Volkswagen/ Divulgação Beetle foi utilizado em testes com macacos

Após a revelação do jornal americano, a Volkswagen afirmou que “toma distância de qualquer forma de maus-tratos animais”. Já a Daimler afirmou que abrirá investigação sobre o que ocorreu na pesquisa. A BMW alegou que não participou do processo de desenvolvimento dos métodos para o estudo. E por fim, a Bosch relatou que deixou o grupo UEGT em 2013.

Tags: suv crossover x1 bmw

Encontre seu veículo

Veículos

Últimas notícias

ver todas
23 de fevereiro de 2018
22 de fevereiro de 2018