Tecnologia

Centrais multimídias evoluem, mas condutor utiliza pouco os recursos

Carros cada vez mais conectados, mesmo com motoristas aproveitando pouco, por enquanto

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 27/08/2015 16:14 / atualizado em 28/08/2015 17:21 Taciana Góes /Diario de Pernambuco

Uma pesquisa revelou que apenas dois a cada 10 motoristas sabem usar os recursos tecnológicos do carro. Mesmo com grande investimento em sistemas que conectam os smartphones às centrais multimídias, por exemplo, poucos condutores usufruem bem dos benefícios. Montadoras e fabricantes de equipamentos eletrônicos estão se movimentando muito quando o assunto é facilitar a vida de quem está ao volante. Mas a geração Y – com idades de 21 a 38 anos – ainda usam mais o smartphone para usar os apps dentro do carro e não os recursos disponíveis ao volante.

Quem não acha confortável ter destravamento remoto de carros, sistemas de autoestacionamento e muita conexão a bordo, talvez esteja entre os 20% dos que não sabem utilizar esses recursos, segundo a pesquisa da JD Power. Três meses após a compra, essa porcentagem de motoristas ainda não utilizaram nem 16 dos 33 recursos pesquisados.

O top 0, ou seja, recurso menos utilizado é o concierge de bordo, que sugere restaurantes ou postos de combustível próximos. "Em muitos casos, os proprietários já estão familiarizados com os aparelhos (smartphones ou tablets), que são mais precisos", afirmou em nota Kristin Kolodge, diretora-executiva da pesquisa. O resultado do estudo é ainda mais negativo, quando analisada a questão da segurança, pois ao utilizar mais os aparelhos, o condutor perde mais atenção no trânsito e pode causar acidentes. Fora as multas...

 

Nova central multimídia da Pionner já vem com Apple Car Play  - Pionner/ divulgacao Nova central multimídia da Pionner já vem com Apple Car Play

 

Pionner
Quem gosta de conectar-se inteiramente ao carro fica de olho nas novidades. A Pionner aproveitou a estreia da tecnologia Apple Car Play no mercado brasileiro e lançou duas novas centrais multimídias com o recurso. Antes restrita a carros mais sofisticados, a tecnologia agora pode compor qualquer automóvel. Em resumo, os apps poderão ser acessados na tela multimídia do carro e o comando de voz siri poderá executar todas as funções. Mas atenção: o emparelhamento só está disponível para iPhones a partir da versão 5.

Em geral, os preços de centrais multimídias são salgados, mas quem usa diz que vale a pena. Essas novas centrais da Pionner, por exemplo, uma custa R$ 2.599 (tela de 7 polegadas) e é compatível com o Android Auto. A outra tem o custo um pouco mais baixo, R$ 2.299, mas já conta assim como a mais top de linha, já conta com TV digital integrada, controle remoto e operação multi-touch. Outro detalhe ideal para quem aprecia música é o Mixtrax, que analisa músicas gravadas em pendrive, criando playlists automáticas e com efeitos.

Conclusão: falta uma apresentação mais eficiente dos recursos high tech na entrega do carro. "As fabricantes precisa acertar de primeira, ou então os consumidores usarão seus aparelhos celulares no lugar dos sistemas embarcados no veículo", aponta Kristin. Nos EUA, local da pesquisa, as tecnologias mais usadas são alertas de ponto cego, assistente de estacionamento e frenagem automática. A pesquisa entrevistou 4,2 mil proprietários de carros novos.

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação
600
Encontre seu veículo
O ano inicial não pode ser maior que o ano final.
O preço inicial não pode ser maior que o preço final.

Refinar busca

Últimas notícias

ver todas
24 de julho de 2017
22 de julho de 2017
21 de julho de 2017