No Brasil

Salão de São Paulo apresenta novidades para o mercado local

A 30ª edição do evento se mostrou promissora no que diz respeito aos modelos que devem figurar aqui no Brasil

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 12/11/2018 10:24


Jorge Moraes / DP
Audi lança o Q8, novo SUV topo de linha

Mais uma novidade entre os utilitários que virão para o Brasil. Dessa vez no estande da Audi, que apresentou o novo Q8. Modelo possui o mesmo porte do irmão Q7, porém levemente mais baixo por conta do caimento do teto. No mercado local, a novidade terá, debaixo do capô, o motor 3.0 V6 TFSI capaz de entregar 340 cavalos e 51 kgfm de torque, associado à um câmbio automático de oito velocidades. O modelo só será lançado oficialmente no próximo ano e será trazido ao Brasil da Eslováquia. Entre as tecnologias, está o uso do sistema híbrido parcial, onde o motor elétrico é utilizado como assistente ao motor a combustão. Gostou? 

Jorge Moraes / DP
Honda Accord 

No estande da Honda, o principal atrativo fica por conta da nova geração do Honda Accord. O sedã é apresentado renovado e chega ao Brasil utilizando a mesma plataforma de Civic e CR-V. A novidade é responsável por estrear o pacote Honda Sensing, com assistentes de condução que aumentam a segurança a bordo. Entre os principais atrativos do complemento estão piloto automático adaptativo, assistente de faixa, alerta de saída de faixa e frenagem automática de emergência. Sem espaço para o antigo motor V6, o Accord traz o inédito 2.0 turbo VTEC capaz de entregar até 255 cavalos e 37,7 kgfm de torque. Potência tem.

Jorge Moraes / DP
Ford Territory, o chinês brasileiro

No estande da Ford, os olhares se voltaram para as diversas novidades que a marca trouxe para o Brasil, entre elas o inédito Territory. O novo SUV médio da Ford chega ao mercado no próximo ano para concorrer, principalmente, com Compass e CR-V.
A novidade foi desenvolvido na China e a principal frente de ataque é o seu tamanho. Com dimensões para ninguém botar defeito, o utilitário dá conta de 4,58 metros de comprimento, 1,93 metros de largura, 1,67 metros de altura e 2,71 metros de entre-eixos, medidas que superam até o Jeep Compass.
Dentro da cabine, o que chama a atenção são as tecnologias e os acabamentos visuais, completamente diferentes dos modelos que já conhecemos da Ford aqui no Brasil. 
Debaixo do capô, o motor 1.5 é capaz de desenvolver até 163 cv associado a um câmbio automático de seis marchas, com tração apenas na dianteira.


Jorge Moraes / DP
Fiat 500x, a lembrança do Renegade

Parte do grupo FCA, a Fiat apresentou o 500x durante o Salão de São Paulo. Prova da participação no conglomerado foi que a marca utilizou de elementos bem conhecidos da Jeep e incorporou no SUV, principalmente os faróis.
Com boas chances de vir para o Brasil, pelo mais do que o conversível 124 mostrado na bienal passada. O 500x vem como resposta aos pedidos da marca para entrar na briga dos SUVs compactos e suas similaridades com o primo da Jeep aumentam as possibilidades da sua chegada no mercado local.
Sem muito detalhes, o Ford 500X aparece no Salão para testar a receptividade do público, ao lado de conceitos feitos sobre o Argo, Cronos e Toro. A marca não descarta a possibilidade de produzir os modelos mas, em relação especificamente ao SUV compacto, ainda é preciso estudar o mercado para não prejudicar as vendas do Jeep Renegade.

Jorge Moraes / DP
Jeep Renegade em série especial

O Renegade já é sucesso de vendas no Brasil. E, para homenageá-lo, a Jeep apresentou, durante o Salão de São Paulo, uma edição especial do SUV. A versão Willys possui pintura exclusiva, inspirada no clássico que recebe o mesmo nome, além de detalhes que remetem ao irmão mais velho.
Para demonstrar mais ainda a homenagem, o modelo possui a inscrição Willys espalhada nos para-lamas dianteiros e 4-Wheel Drive na tampa traseira. A personalização também chega às rodas, emblemas, molduras de grade e para-choques e capas de retrovisores, todas na cor preta. Dentro da cabine ainda é possível encontrar o nome da série bordado nos encostos dos bancos dianteiros.
Como uma série limitada, o Renegade Willys só terá 250 unidades produzidas e comercializadas, com placa numerada. Quem adquirir o veículo recebe ainda um kit especial, que inclui uma jaqueta e outros itens.
O preço ainda não foi definido, mas o modelo chega às lojas da marca no primeiro trimestre de 2019. 


Jorge Moraes / DP
BMW I8 conversível

Para a BMW, o futuro já chegou. Prova disso é que a marca apresentou, durante o Salão de São Paulo o novo I8 conversível. O modelo, além de muito estilo, esbanja tecnologia. Com condução autônoma e motor elétrico, ele é um carro para motorista nenhum botar defeito.
Derivado do cupê série 8, a novidade foi relançada em junho, 19 anos depois de ter deixado de ser fabricado. O modelo originário, com o teto fixo, começa a ser vendido já no próximo ano, porém, o conversível ainda não foi confirmado para o mercado.
Para aqueles que possam achar o I8 cabriolet parecido com o Z4, a novidade difere principalmente pela capacidade para apenas quatro ocupantes. O novo conversível vai ao mercado para competir com Bentley Continental GTC e Mercedes-Benz Classe S Cabriolet.
No quesito motorização, o modelo possui as mesmas duas opções já disponíveis no cupê, que é movida a diesel com seis cilindros e 320 cavalos de potência e um V8 capaz de desenvolver até 530 cv. - se piscar perde. A potência faz com que o veículo fique no rankings dos carros mais velozes do mundo. A transmissão disponível é sempre a esportiva Steptronic de oito velocidades e a tração é integral. O valor de mercado ainda não foi divulgado, mas não dá para esperar nada abaixo dos R$ 1 milhão.
 
Encontre seu veículo

Veículos

Últimas notícias

ver todas
10 de dezembro de 2018