Test Drive

Mercedes AMG GT C Roadster, desempenho na pista

Do carrinho de brinquedo à uma volta em um autódromo com um carro de mais de um milhão de reais

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 05/11/2018 07:40 / atualizado em 05/11/2018 08:25 Anderson Malagutti /Diario de Pernambuco


GT C Roadster é comercializado por exatos R$ 1.118.900. Foto: Anderson Malagutti / DP - GT C Roadster é comercializado por exatos R$ 1.118.900. Foto: Anderson Malagutti / DP
A lembrança ainda é viva dentro da minha cabeça. Eu, trancado dentro do meu quarto, com algumas dezenas de carrinhos de brinquedos, enfileirados, como se fossem uma frota em uma cidade grande. Assim passei vários dias da minha infância, me divertindo com vários carrinhos. Depois, na adolescência, virou realidade. Um dia depois de completar 18 anos, estava com minha CNH em mãos. E com a Caravan ano 1980 do meu pai, dei minhas primeiras voltas com um carro de verdade. Mal passava em minha cabeça que, alguns anos depois, estaria em um autódromo rasgando a reta dos boxes com um carro de mais de um milhão de reais. A brincadeira realmente ficou séria.


Foi durante o AMG Performance Tour, no Vello Città, no interior de São Paulo. E qual era o meu “brinquedinho”? Um Mercedes AMG GT C Roadster. E o preço? Exatamente R$ 1.118.900,00. Confesso que ao ver aquele carro de cor amarela fez a adrenalina subir antes mesmo de entrar no carro. Sob o capô do carro, um motor V8 com 557 cavalos de potência.
  
Vocês já leram e viram aqui no DP Autos nosso editor Jorge Moraes pilotar os melhores e mais caros carros que se possa existir. E aposto que, toda vez, ele sente a mesma adrenalina que senti, por mais vezes que possa repetir. No meu caso, foi o primeiro carro acima do milhão que dirigi. Já havia chegado bem perto a algum tempo atrás, quando, no mesmo autódromo, guiei o Nissan GT-R, que já havia sido uma experiência marcante.

Mas o GT C Roadster foi ainda melhor, mesmo no fundo sendo mais apaixonado pelo Godzilla do que o carro da Mercedes. Porém, uma coisa eu posso comprovar. A adrenalina ficou mais evidente com o AMG. A prova disso foi ao sair do carro, após uma volta no circuito com o pé embaixo. Sai suando frio e a mão tremendo. Sinais que os V8 pode mexer com o emocional de qualquer um. 

Força do esportivo é extraída do motor V8 de 557 cavalos de potência. Foto: Alessandra Souza / Mercedes-Benz / Divulgação - Força do esportivo é extraída do motor V8 de 557 cavalos de potência. Foto: Alessandra Souza / Mercedes-Benz / Divulgação
Internamente, você parece entrar em um carro futurista. Privilégio para poucos milionários. A sensação é também de pilotar um Fórmula 1. A posição de pilotar, bem baixo, dá uma sensação de estar fixado ao solo. É pisar no pedal direito que a resposta é imediata. Um dia para ficar para sempre na memória.

Um dia, sete carros

Aliás, não foi só o GT C Roadster que pude pilotar no Performance Tour. Foram ao todo sete carros da Mercedes (dos 10 modelos disponíveis). Eis o menu de degustação: CLS 53, GLC 63, CLA 45, E 63, GLS 350d e o GLC 250 Sport. Esses dois últimos, testei em um circuito off road, com subidas e descidas bem íngremes, a tal “caixa de ovos” e uma caixa d’água para explorar ao máximo os limites 4x4 da linha AMG. Juntando os sete carros, andei durante a manhã com mais de R$ 4 milhões em carros. Um experiência riquíssima, literalmente.
 

Tags: volkswagen up! reestilizado r$ 37.990 enio greco vrum

Encontre seu veículo

Veículos

Últimas notícias

ver todas
14 de dezembro de 2018