Linha do tempo

Saiba quais foram os carros mais vendidos nos anos que o Brasil foi campeão da Copa do Mundo de Futebol

Trajetória dos mais emplacados nas cinco edições do Mundial em que a seleção canarinha levou a melhor vai de Jeep a Volkswagen

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 15/06/2018 16:45 / atualizado em 18/06/2018 08:38 Alvaro Ferraz

Desde a última quinta-feira, milhões de olhos e holofotes estão voltados à Copa do Mundo de Futebol da Rússia. Começou o grande espetáculo do futebol disputado por 32 seleções de todos os continentes. Por aqui, o mito nacional toma conta dos torcedores. Mas o que isso tem a ver com automobilismo? A gente te convida a embarcar numa viagem nostálgica. Conheça os carros mais vendidos em cada ano em que o Brasil foi campeão da Copa do Mundo. Bora lá?

YouTube/Reprodução
Nossa expedição começa em 1958, na Suécia, quando o planeta conheceu o Rei Pelé e sua habilidade com os pés e a bola. Seu jeito de jogar o futebol ajudou o Brasil a bater os donos da casa por 5x2 e então conquistar sua primeira vitória no Mundial. Já quem ganhava as ruas brasileiras era o ‘valente’ Jeep Willys. Com câmbio de três marchas, redução e tração em duas ou quatro rodas, foi o carro mais comercializado no país da Canarinho.

YouTube/Reprodução
Agora a gente acelera quatro anos rumo ao Chile. Em 1962, enquanto o contemporâneo de Pelé, Garrincha, deixava sua marca nos gramados, fora deles, a popularidade no Brasil era do Fusca - apelido do primeiro modelo de automóvel da Volkswagen. Com seus poucos mais de 4 metros de comprimento, tração e motor traseiros, o “Volkswagen Sedan” (nome original) caiu na pularidade, e vendeu 38.397 unidades.

Hog Troglodyte / Divulgacao
A viagem continua e o tempo de chegada: 8 anos. Nossa parada é o México no ano de 1970. No ano da conquista da 3ª estrela do Mundial, mais uma vez a Volkswagen foi a campeã de vendas com 45 mil emplacamentos da Variant. A perua tinha motor de 4 cilindros boxer.

 

Fiat / Divulgação
Após uma parada por 24 anos, a gente segue para os States. A Canarinho não era favorita na Copa de 1994, nos EUA, mas o baixinho Romário, com seu 1,67 metro de altura, mostrou-se gigante e o Brasil foi a primeira seleção tetracampeã mundial de futebol. Derrotou a Itália por 3 a 2 (após prorrogação seguida de disputa por pênaltis). Coincidência ou não, o automóvel mais vendido no Brasil foi justamente o italiano “Fiat Uno”. À época, o conceito simples e moderno do carro dominou as ruas brasileiras com 221.786 unidades por todo o país, sendo o automóvel mais vendido entre os que fizeram sucesso em cada ano das conquistas mundiais da Seleção.

 

Tags: vrum drl Estado de Minas fiscalização do farol baixo em Minas autoridades apontam necessidade de reforço na sinalização multas apenas em rodovias não sinalizadas justiça libera autuação de motoristas que não usarem luz baixa luzes diurnas lei do farol baixo

Encontre seu veículo

Veículos

Últimas notícias

ver todas
16 de outubro de 2018
15 de outubro de 2018