Mercado

Renault Kwid já tem mais de sete mil reservas

Consumidores encomendaram o compacto por R$ 1 mil

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 17/07/2017 17:19 / atualizado em 19/07/2017 14:57


Carro ainda não foi lançado oficialmente - Jorge Moraes / DP Carro ainda não foi lançado oficialmente

A Renault começou a pré-venda do Kwid no início de junho e os números mostram que o compacto vai dá trabalho para a Volkswagen e a Fiat. É que cerca de sete mil veículos já foram encomendados. Vale lembrar que o carro ainda não foi apresentado oficialmente e, logo, não está nas concessionárias para demonstração.

 

O valor da reserva fica na casa dos R$ 1 mil e pode ser parcelado no cartão de crédito. O primeiro lote das encomendas do Kwid serão entregues no próximo mês, mesmo período em que acontece o seu lançamento oficial. Já a última remersa da reserva tem entrega marcada para novembro. 

 

A Renault acertou no preço do veículo. Está cobrando, até o momento, R$ 29.900 no automóvel na sua versão de entrada. No entanto, ainda não revelou a lista de itens de série. O que pode ser um divisor de águas entre os concorrentes.

 

Dimensões divulgadas pela Renault já revela que o Kwid é ainda menor que o up! - Jorge Moraes / DP Dimensões divulgadas pela Renault já revela que o Kwid é ainda menor que o up!

 

As dimensões do carro, contudo, já foram divulgadas e ele é menor que o up!. Mas espaço interno ainda não foi revelado. O motor é o conhecido 1.0 SCe 12V do Sandero, porém, com a potência e torque reduzidos para 66/70 cv e 9,4/9,8 kgfm (gasolina/etanol), sempre com câmbio manual de 5 marchas. Segundo o Inmetro, o consumo médio é de 10,5 km/l com etanol e 15,2 km/l com gasolina, em circuito misto.

 

Segundo a Renault, o Kwid brasileiro é bem diferente do indiano. Sorte a nossa. Isso porque no país asiático o modelo foi reprovado nos testes de impactos.

 

Encontre seu veículo
O ano inicial não pode ser maior que o ano final.
O preço inicial não pode ser maior que o preço final.

Refinar busca

Últimas notícias

ver todas
19 de novembro de 2017
17 de novembro de 2017