Problemas

Toro entra no segundo recall

Fiat anunciou que alguns modelos da picape estão agora com problemas no motor

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 15/04/2017 09:00


Chamadas para recall estão cada vez mais frequentes. Nas últimas semanas o destaque foi para problemas na maioria dos veículos da Toyota. Agora é a hora da Fiat. A montadora divulgou que alguns modelos da sua picape Toro estão com  problemas no motor. Não existe recall por defeito que não seja sério.
 
Todos os modelos com motor 2.0 a diesel equipados com chave eletrônica apresentam o problema encontrado no propulsor - Bruno Vasconcelos / DP Todos os modelos com motor 2.0 a diesel equipados com chave eletrônica apresentam o problema encontrado no propulsor
 
 
O anúncio foi divulgado na semana passada e se encaixam na situação todos os modelos com motor 2.0 diesel equipado com a chave eletrônica, ou Keyless Enter-N-go, são cerca de nove mil unidades. Especificamente, o problema gira em torno do dispositivo que permite o desligamento do motor quando a alavanca de câmbio estiver numa posição diferente de P (estacionamento) e a velocidade do veículo for superior a 8 km/h. No caso, o dispositivo nesses modelos convocados não está acionado.
 
Segundo a fabricante, o defeito aumenta o risco de colisão, com, claro, consequentes danos físicos e materiais ao condutor, passageiros e terceiros. A falha, contudo, é corrigida em 30 minutos em qualquer concessionária Fiat e de forma gratuita. Para esclarecer dúvidas e agendar o recall, a montadora disponibiliza o telefone 0800 707 1000.
 
Em tempo, os chassis convocados para a manutenção são de 988226175GKA50482 a 988226175HKB03540 (chassis não sequenciais). Qualquer problema como demora no agendamento, lentidão no reparo e mau atendimento deve ser denunciado no Procon local. Os consertos devem ser totalmente gratuitos.
 
O problema gira em torno do dispositivo que permite o desligamento quando a alavanca de câmbio não estiver em P - Fiat / Divulgação O problema gira em torno do dispositivo que permite o desligamento quando a alavanca de câmbio não estiver em P
 
 
O problema também afeta o Jeep Compass, que é feito sobre a mesma plataforma na fábrica da Fiat Chrysler em Goiana (PE). A Jeep anunciou o recall para o Compass 2.0 diesel em 30 de março.
 
Esse é o segundo recall da Toro em pouco mais de um ano desde a sua estreia no mercado. Em maio de 2016, a fabricante percebeu que o dispositivo de trava do suporte do estepe pode se destravar com o veículo em movimento, provocando a queda do pneu sobressalente.
 
Problema com fidelidade
Para muitos consumidores a chamada para recall está diretamente ligada à dúvida em relação a segurança. O administrador Rodrigo Moura, por exemplo, dono de um veículo que já passou por recall duas vezes, diz que na próxima troca de carro não irá dar preferência para a montadora do seu atual automóvel. “Acho uma falta de compromisso. Pagamos tão caro para conseguir adquirir um bem desse tipo e nos deparamos com essas falhas que passaram despercebido no setor de qualidade. Como confiar em uma empresa assim?”, afirma.
 

 

Tags: moto

Encontre seu veículo
O ano inicial não pode ser maior que o ano final.
O preço inicial não pode ser maior que o preço final.

Refinar busca

Últimas notícias

ver todas
18 de agosto de 2017
17 de agosto de 2017