Novidade

Van movida a pilha?

Nissan exibe e-Bio Fuel Cell, protótipo sem previsão de vendas, que dispensa gasolina

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 15/12/2016 16:47 / atualizado em 15/12/2016 17:10 Thainá Nogueira /Diario de Pernambuco


 

Modelo tem 600 km de autonomia e está em testes pelo Brasil. Não há previsão de vendas

 

A Nissan já tinha mostrado a sua van e-Bio Fuel Cell, o primeiro protótipo de veículo em todo o mundo a ser movido por uma célula de combustível de óxido sólido (SOFC). A van funciona com uma pilha de combustível para repor suas baterias. Abastecido 100% com etanol para carregar uma bateria de 24kWh que permite uma autonomia de mais de 600 km, o carro está em testes de campo em vias públicas no Brasil, mas ainda não existe previsão de vendas para o automóvel.

 

A célula de combustível utiliza a reação de diversos combustíveis com oxigênio, incluindo etanol e gás natural, para produzir eletricidade altamente eficiente. De acordo com a Nissan, esse novo “combustível” tem custos baixos de manutenção ao mesmo tempo em que possui a autonomia de um veículo movido a combustível fóssil. A grande vantagem do e-Bio é ele ser um elétrico que também pode ser recarregado por etanol, o que diminui a necessidade de paradas para recarga. A capacidade do tanque é de 30 litros e a autonomia 600 km.

 

Para o presidente da montadora no Brasil, François Dossa, a popularização da tecnologia é questão de tempo. “A célula de combustível e-Bio vai se tornar ainda mais ecoamigável com a possibilidade da utilização do etanol misturado à água, mais fácil e seguro de manusear do que outros combustíveis”. A Nissan já vende o Leaf, 100% elétrico.

 

 

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação
600
Encontre seu veículo
O ano inicial não pode ser maior que o ano final.
O preço inicial não pode ser maior que o preço final.

Refinar busca

Últimas notícias

ver todas
20 de julho de 2017
19 de julho de 2017