Lançamento

Kia Sportage: queridinho de cara nova

SUV sul-coreano, que já foi o carro importado mais vendido do país, ganhou nova geração - ainda mais ousada - para poder voltar a brilhar

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 27/06/2016 13:39 / atualizado em 15/08/2016 15:37 Luciana Morosini /Diario de Pernambuco

Itu (SP) - Mesmo chegando no fim da linha, pode-se dizer que o Kia Sportage vendido atualmente ainda é bastante moderno. Seu design não envelheceu com o passar dos anos, mas essas linhas ficaram para trás desde a última quinta-feira, quando a montadora começou a vender a quarta geração do SUV no Brasil. O estilo foi totalmente modificado e promete ganhar mais uns anos de mercado sem perder a elegância. A nova geração do Sportage chega em duas versões, com preços de R$ 109.990 na de entrada LX e R$ 134.990 para a topo de linha EX.

 

Luciana Morosini / DP
 

 

Nesta repaginada, o SUV ganhou formas mais arredondadas. Uma das mudanças estéticas mais fortes está na parte dianteira do modelo. A começar pela grade, batizada pela montadora de “nariz de tigre”, que traz a nova linguagem visual da Kia. Além disso, os faróis receberam LEDs e estão posicionados um pouco mais acima do que a versão anterior, dando mais robustez.

 

Luciana Morosini / DP
 

 

A mudança visual também ganhou o interior. O primeiro ponto de destaque está no painel. O motorista agora tem melhor acesso aos comandos, já que a parte central está mais voltada para ele.

 

Quanto ao tamanho, também há novidades. Agora, o Sportage está quatro centímetros mais longo, somando  4,48 metros, e o entre-eixos está três centímetros maior, totalizando 2,67 metros. Para quem se preocupa com a capacidade para bagagem, uma boa novidade: o porta-malas cresceu de 740 para 868 litros.

 

A versão topo de linha EX ganha paddle shift, volante esportivo, rodas de liga leve, sensor de chuva, teto solar panorâmico e sistema multimídia - Kia / Divulgação A versão topo de linha EX ganha paddle shift, volante esportivo, rodas de liga leve, sensor de chuva, teto solar panorâmico e sistema multimídia
 

 

As duas versões do Sportage (LX e EX) têm o motor é o mesmo: o 2.0 flex. Inclusive, este é o mesmo propulsor da versão anterior, só que com uma diferença na potência. Com a maior rigidez das regras de emissões de poluentes, o motor passou de 169 cv para 167 cv, quando abastecido com etanol. Durante o teste drive, em um percurso de 30 Km na estrada, deu para sentir que a pegada do modelo é mais suave, nada de esportividade. Ou seja, não é um carro para quem gosta de mais emoção. O propulsor chega a ser barulhento quando mais exigido. No modo manual, com 3 mil giros, o motor já grita pedindo a troca de marcha. O câmbio automático de seis marchas da geração antiga foi mantido. Já a direção é elétrica progressiva e poderia ser um pouco mais pesada numa velocidade maior, mas ela responde muito bem e rapidamente aos comandos do motorista.

 

Kia / Divulgação
 

 

 

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação
600
Encontre seu veículo
O ano inicial não pode ser maior que o ano final.
O preço inicial não pode ser maior que o preço final.

Refinar busca

Últimas notícias

ver todas
25 de julho de 2017
24 de julho de 2017