No mercado

Toyota lança no Brasil o novo Prius 2016

Com novo visual, carro teve motores elétrico e a gasolina renovados que permite um novo consumo de até 18,9 km/l

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 07/06/2016 15:06 / atualizado em 09/06/2016 13:49 Thainá Nogueira /Diario de Pernambuco

A Toyota lança no Brasil a quarta geração do Prius, o veículo híbrido pioneiro e de maior sucesso global. Com visual completamente reformulado e inúmeros avanços aerodinâmicos e tecnológicos, o híbrido japonês chega às lojas a partir de amanhã em versão única com o preço de R$ 119.950.

A quarta geração do Prius foi totalmente redesenhada e ganhou uma presença marcante, com linhas mais agressivas e modernas. Os recortes renovadas do modelo tem forte traços triangulares e dianteira com o novo padrão de design da Toyota. Assim como a geração anterior, a traseira continua sendo o ponto de maior ousadia do modelo com uma espécie de aerofólio que se integra com os vincos laterais e as lanternas em estilo bumerangue.

 

Híbrido japonês chega às lojas a partir de amanhã com o preço de R$ 119.950 - Toyota / Divulgacao Híbrido japonês chega às lojas a partir de amanhã com o preço de R$ 119.950
 

 

O veículo está 60 mm mais comprido, totalizando 4,540 m, e 15 mm mais largo (1.760 mm). O porta-malas comporta 412 litros e sua abertura ganhou 84 mm em sua largura. Além da questão visual, as modificações no estilo também impactaram diretamente no coeficiente  aerodinâmico (Cx) que foi reduzido de 0,25 para 0,24, otimizando a performance e eficiência.

O conjunto híbrido do novo Prius também foi atualizado. Chamado de Hybrid Synergy Drive, combina um motor a gasolina de 1.8 litro VVT-i de ciclo Atkinson que entrega 98 cv de potência a 5.200 giros e 14,2 kgfm de torque a 3.600 rpm. Já o motor elétrico é de 72 cv e 16,6 kgfm de torque. Priorizando o baixo consumo de combustível, a potência combinada é de 123 cv. Segundo a Toyota, este conjunto o permite acelerar de 0 a 100 km/h em 11 segundos.

O grande destaque fica por conta da eficiência energética. Com o conjunto híbrido atualizado, a Toyota conseguiu melhorar significativamente o consumo. Na cidade, os números aferidos pelo Inmetro indicam que o carro ficou 24% mais econômico do que o anterior, passando de 15,2 para 18,9 km/l de gasolina. Na estrada também houve avanço de 19%, passando dos 14,3 para 17 km/l nesta nova geração. Essa marca coloca o novo Prius como o carro mais eficiente do País, segundo o próprio Inmetro.

 

Assim como a geração anterior, a traseira continua sendo o ponto de maior ousadia do modelo com uma espécie de aerofólio que se integra com os vincos laterais e as lanternas em estilo bumerangue - Toyota / Divulgacao Assim como a geração anterior, a traseira continua sendo o ponto de maior ousadia do modelo com uma espécie de aerofólio que se integra com os vincos laterais e as lanternas em estilo bumerangue
 

 

Em relação aos itens de série, o Prius chega bem recheado e em versão única. Entre os principais estão o sistema de navegação GPS integrado, TV digital, banco do motorista com regulagens elétricas de altura e distância e lombar, revestimento em couro e material sintético nos bancos, aquecimento dos bancos dianteiros, volante em couro com comandos integrados do áudio e do computador de bordo, controle de velocidade, aviso sonoro de faróis ligados, entre outros.

Na segurança, o modelo japonês dispõe de sete airbags, alerta sonoro para uso do cinto de segurança nos assentos dianteiros, três apoios de cabeça com regulagem de altura para os passageiros do banco traseiro, cintos de segurança de três pontos e pré-tensionadores para todos os ocupantes, câmera de ré projetada na tela de LCD com alerta sonoro, sistema de alarme com acionamento à distância e travas de segurança para crianças nas portas traseiras, faróis de neblina em LED dianteiros, luz de neblina traseira em LED, controle de estabilidade (VSC), sistema de freios ABS e sistema auxiliar de frenagem EBD nas quatro rodas.

 

 

 

 

Os híbridos no Brasil

 

S400 foi o primeiro híbrido lançado no Brasil - Mercedes / Divulgação S400 foi o primeiro híbrido lançado no Brasil
 

 

Mercedes-Benz S400
O sedã foi o primeiro automóvel híbrido lançado no Brasil. Com um preço de R mil, o S400 está disponível desde 2010. Equipado com motor 3.5 litros V6, de 279 cv, movido a gasolina, o híbrido é auxiliado por um propulsor elétrico, de 20 cv. As baterias são reabastecidas pelo próprio motor a combustão. O S400 Hybrid também conta com o sistema start/stop, que interrompe o funcionamento do motor em velocidades inferiores a 8 km/h e com o freio pressionado. Segundo a Mercedes-Benz, esses recursos garantem ao luxuoso sedã uma economia de 8% de combustível.

 

Híbrido pioneiro em trazer a tecnologia ao segmento de SUVs - Murilo Mattos / Green Pixel Híbrido pioneiro em trazer a tecnologia ao segmento de SUVs
 

 

Ford Fusion Hybrid
O sedã de luxo da montadora está no mercado brasileiro desde 2010 e foi o primeiro veículo totalmente híbrido a ser vendido por aqui. Combina um motor a combustão 2.0 Atkinson com um motor elétrico de alto desempenho. Os dois motores trabalham em conjunto, o que recarrega automaticamente o motor elétrico, dispensando ponto externo de energia para recarga. Em 2015 o modelo foi eleito pelo Inmetro como o carro mais eficiente vendido no Brasil. O Fusion obteve a marca de 1,32 megajoule por km rodado. Atualmente é vendido por cerca de R$ 125 mil.

Combina um motor a combustão 2.0 Atkinson com motor elétrico de alto desempenho - Bruno Vasconcelos / DP Combina um motor a combustão 2.0 Atkinson com motor elétrico de alto desempenho
 

 

Mitsubishi Outlander PHEV
O primeiro modelo híbrido plug in da marca no país e também pioneiro em trazer a tecnologia ao segmento de SUVs por aqui, começou a ser vendido em 2015. O preço atinge a casa dos R$ 190 mil. Essencialmente, o utilitário chegou mais para marcar o espaço da Mitsubishi como uma das marcas que estão inovando com a tecnologia híbrida no Brasil do que para ser um sucesso de vendas. A empresa afirma que a media de emplacadamento do modelo é de vinte unidades por mês.

Previsão de lançamento oficial para a imprensa no próximo semestre - Volkswagen / Divulgação Previsão de lançamento oficial para a imprensa no próximo semestre
 

 

Golf GTE
A Volkswagen há muito vem anunciando o seu novo híbrido. O modelo já havia mostrado a cara no Salão do Automóvel de São Paulo de 2014, mas ninguém deu muita bola. Agora, porém, tudo ficou mais sério: a montadora já testa o híbrido esportivo Golf GTE no Brasil. Há previsão de um evento oficial à imprensa para o próximo semestre, ainda que não haja, porém, qualquer informação concreta sobre a chegada às lojas. O preço também é um complicador, já que o carro dificilmente custaria menos de R$ 140 mil iniciais, mais caro que o Golf GTI.

 

 

Tags: lançamento

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação
600
Encontre seu veículo
O ano inicial não pode ser maior que o ano final.
O preço inicial não pode ser maior que o preço final.

Refinar busca

Últimas notícias

ver todas
29 de março de 2017