Lançamento

Renault divulga fotos do Captur

SUV deve ser produzido no Brasil em 2017 é a grande aposta da montadora francesa no Salão do Automóvel de São Paulo, em novembro

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 30/03/2016 14:57 / atualizado em 31/03/2016 14:33 Thainá Nogueira /Diario de Pernambuco

Modelo russo será adaptado para o mercado brasileiro - Renault / Divulgação Modelo russo será adaptado para o mercado brasileiro
 

 

A Renault respira novos ares com a expectativa de apresentar o novo Kaptur no Brasil. Ao que tudo indica, o modelo será uma das estrelas no estande da montadora no Salão Internacional do Automóvel de São Paulo, cuja 29ª edição ocorre entre os dias 10 e 20 de novembro. Batizado na Rússia de Kaptur (com K porque na Europa é com C), o carro será adaptado ao mercado brasileiro e provavelmente fabricado na planta de São José dos Pinhais, Paraná, já a partir do próximo ano, junto com o Logan, Sandero e Duster.

 

Central multimídia compatível com os aplicativos AndroidAuto e Apple Car Play deve ser de série - Renault / Divulgação Central multimídia compatível com os aplicativos AndroidAuto e Apple Car Play deve ser de série
 

 

Os preços não foram revelados, mas especula-se que custará acima dos R$ 75 mil e a versão top na faixa dos R$ 90 mil. O inédito crossover mede 4,33 metros de comprimento, 1,81 m de largura, 1,61 m de altura e 2,67 metros de distância entre-eixos. O tamanho do porta-malas anunciado é de 387 litros, menor do que o da Duster (475 litros) e maior do que o do Sandero (320 litros). A ideia é que o Captur seja mais refinado do que o Duster. Com essas proporções, o modelo pode concorrer com crossovers mais caros como Jeep Renegade, Peugeot 2008 e Honda HR-V, por exemplo, mas também tomar mercado do primo, o Duster.

 

SUV mede 4,33 metros de comprimento - Renault / Divulgação SUV mede 4,33 metros de comprimento
 

Entre os equipamentos de série, a marca destaca itens como central multimídia compatível com os aplicativos Android Auto e Apple CarPlay e partida através do botão. Detalhes mecânicos não foram confirmados, mas pelo menos na Rússia, a tração integral será de série, por conta das condições climáticas, principalmente no inverno. O visual é diferente dos outros modelos da Renault e possui luzes de LEDs diurnas no para-choque e novas rodas.

 

Renault / Divulgação
 

O carro foi pensado para os países emergentes e, em relação à versão europeia, o modelo brasileiro terá diferenças nas dimensões (tem 21 cm a mais no comprimento) e pequenos detalhes técnicos. A grade dianteira de lá também é maior e a plataforma básica é a do Clio IV, enquanto aqui será utilizada a do Duster. O Kaptur  (com C ou com K) também deverá herdar as mesmas opções de motorização do SUV, um motor 1.6 de 115 cavalos de potência e outro 2.0 de 148 cv.

 

Porta-malas tem capacidade de 387 litros, maior do que o do Sandero e menor do que o da Duster - Renault / Divulgação Porta-malas tem capacidade de 387 litros, maior do que o do Sandero e menor do que o da Duster

 

 Sete lugares
A versão aumentada do Grand Kaptur com mais espaço para passageiros, a princípio, não será vendida no Brasil. As informações completas serão divulgadas até o Salão de São Paulo, de 10 a 20 de novembro.

 

 

 

Tags: mineiro

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação
600
Encontre seu veículo
O ano inicial não pode ser maior que o ano final.
O preço inicial não pode ser maior que o preço final.

Refinar busca

Últimas notícias

ver todas
20 de janeiro de 2017
19 de janeiro de 2017