Expectativa

Etios automático será lançado em abril

Câmbio de quatro marchas do antigo Corolla casa com o propulsor 1.5 VVT-i dos modelos 2017, mas a nova geração só é esperada para o próximo ano

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 17/03/2016 14:00 / atualizado em 17/03/2016 17:44

Nada oficial por enquanto, mas as concessionárias já afirmam estarem prontas para receber uma nova versão do Etios com câmbio automático e modelo 2017. A opção deve custar até R$ 5 mil a mais do que o modelo com câmbio manual e o novo motor 1.5 VVT-i será auxiliado pela velha transmissão do Corolla de quatro marchas.

 

 

 

Esteticamente muda alguma coisa? Sim. O painel deixou grande parte dos que participaram da clínica de avaliação com um belo sorriso no rosto. O carro cresceu em estilo de vida a bordo e essa será a segunda principal mudança depois da transmissão. Com a repaginada, o valor do carro vai para a casa dos R$ 50 mil.

Estima-se que o propósito da Toyota seja vender confiança e durabilidade quando for questionada sobre o uso da velha caixa de quatro velocidades. E essa máxima é uma velha conhecida do consumidor por causa do custo benefício do produto na concecpção do antigo Corolla.

Quando for lançado, o Etios automático preencherá a lacuna existente no segmento que ocupa e atenderá a centenas de pedidos da rede que cobra um veículo mais em conta comparado ao seu carro-chefe (Corolla 2017 que está chegando às lojas). Concorrentes lançados na mesma época, como o Chevrolet Onix e o Hyundai HB20, já contavam desde o início com opções sem o pedal de embreagem.

 

 

 

Por outro lado, o Etios não será o último a ganhar câmbio automático. O Nissan March e o sedã Versa ainda não apresentam a versão que dispensa o uso do pedal da embreagem e oferecem uma sensação de conforto incomparável ao modo convencional da transmissão manual. Quem usa no trânsito intenso das capitais sabe do que estou escrevendo.

Muito criticado pelo visual e acabamento simples, o Etios deve receber maior atenção da montadora japonesa em relação ao conforto e conectividade com uma central de multimídia bem objetiva. Quanto ao design externo, vai mudar quando? Por enquanto só Deus sabe, afinal de contas, a geração de compacto só renovará seu ciclo em 2018.

 

 

Tags: de

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação
600
Encontre seu veículo
O ano inicial não pode ser maior que o ano final.
O preço inicial não pode ser maior que o preço final.

Refinar busca

Últimas notícias

ver todas
24 de julho de 2017
22 de julho de 2017
21 de julho de 2017