Salão de Genebra

Salão de Genebra: Bugatti Chiron terá preço de R$10 milhões

A montadora exibiu o seu novo supercarro no evento. A potência chega em 1.520 cavalos

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 01/03/2016 15:23 Thainá Nogueira /Diario de Pernambuco

Serão apenas 500 unidades produzidas, mas suficiente para a Bugatti ter um grande retorno do seu investimento no supercarro. O substituto do Veyron como carro de produção mais veloz e forte do mundo chega herdando o motor W16 de 8 litros e quatro turbos, mas que agora gera 1.520 cavalos (1.500 hp).

Quando acelerado, o motorzaço pode empurrar o Chiron com torque descomunal de 163,15 kgfm de 2.000 a 6.000 giros. A aceleração é impressionante: a marca promete 0-100 km/h em 2,5 segundos. A velocidade, porém, varia de acordo com um dos quatro modos de condução, que podem ser alternados por conta do condutor ou de forma automática.

 

FABRICE COFFRINI
 

 

Segundo a marca, a proposta segue sendo a de ter um modelo de luxo que seja sempre "o mais forte, rápido e exclusivo carro superesportivo de produção do mundo". Para isso, nada é economizado em termos de materiais: não apenas o monocoque (com chassis adaptativo) é feito de fibra de carbono, mas mesmo partes do motor e o volante usam este material leve e muito resistente, além de titânio, que também é usado no sistema de escape.

Couro (no revestimento do interior) e alumínio (em diversos pontos da estrutura, do acabamento e na grade em forma de ferradura) também são usados de forma intensiva e há até prata, usada nos emblemas.

 

O modelo custará mais de R$ 10 milhões e será vendido no mercado europeu.

 

 

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação
600
Encontre seu veículo
O ano inicial não pode ser maior que o ano final.
O preço inicial não pode ser maior que o preço final.

Refinar busca

Últimas notícias

ver todas
16 de janeiro de 2017