Francês

Peugeot 208 Reestilizado

Franceses querem mostrar que não é só o espumante a grande atração do país

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 25/02/2016 12:26 Anderson Malagutti /Diario de Pernambuco

Dizem que os franceses sãos conhecidos por produzirem os melhores espumantes do mundo. E também por serem privilegiados por terem um país lindo, cheio de pontos turísticos, com gastronomia de primeira, além de se vestirem bem. Mas sobre carros? Até onde os franceses mandam bem? Testamos o novo Peugeot 408, que tem o DNA francês, mas é produzido na Argentina e que passou por um facelift. Você deve estar se perguntando: mas o que mudou no modelo 408? Começamos pela adoção do motor 1.6 THP de 173 cavalos na versão Griffe, a topo de linha que nós dirigimos. Esse propulsor turbo e de injeção direta é o mesmo que já equipa o 2008, o 3008  e o 308.

 

O teto solar foi mantido - Peugeot/Divulgação O teto solar foi mantido
 

 

Na prática, isso significa uma rodagem mais segura com respostas mais rápidas. O câmbio automático de seis marchas tem trocas suaves. Duas funções dão opções para quem quer regular a maneira de dirigir. A função S deixa o 408 mais esperto e com a rotação do motor mais alta. Já a ECO é para quem pretende poupar combustível. Mas há também uma opção mais simples, com o já conhecido 2.0 aspirado, de 151 cv.

 

Grade ganhou um novo formato e o leão, simbolo da montadora, não está mais no capô - Anderson Malagutti/DP Grade ganhou um novo formato e o leão, simbolo da montadora, não está mais no capô
 

 

Experiência
Pilotar o 408 é muito agradável, principalmente na versão avaliada com teto solar. Como um bom francês, até o tetracampeão mundial de Fórmula 1, Alain Prost, teria boas referências do carro. Mas como gosto não se discute, a Peugeot terá que remar muito para bater de frente com rivais diretos no segmento, como os líderes Toyota Corolla e Honda Civic.

 

Rodas 17 polegadas chamam a atenção com desing mais esportivo - Anderson Malaguti/DP Rodas 17 polegadas chamam a atenção com desing mais esportivo
 

 

Visualmente, o 408 apresenta outras novidades. A maior delas está no para-choques. A grade ganhou um novo formato além do leão, símbolo da montadora, que não está mais no capô. As rodas de 17 polegadas também chamaram a atenção, com um design mais esportivo.

Internamente, o sedã está bastante recheado. A central multimídia de ambas as versões permite espelhar o smartphone na tela e são compatíveis com os sistemas MirrorLink e CarPlay, da Apple. A versão Griffe traz também câmera de ré, GPS, 16 GB de memória para armazenar músicas em MP3, sensor de estacionamento dianteiro, teto solar, bancos de couro e seis airbags. Na traseira, chamou a atenção a saída dupla de escapamento e o generoso espaço no porta-malas.

 

Por dentro, conforto e boa dirigibilidade garantida também pelo câmbio de seis marchas - Peugeot/Divulgação Por dentro, conforto e boa dirigibilidade garantida também pelo câmbio de seis marchas
 

 

No final, ficou a sensação que o 408 harmoniza bem com um champanhe às margens da Torre Eiffel. Mas como estamos no Nordeste, podemos dizer que ficou um francês arretado de bom.

 

Na sua casa por
R$ 88.590

Fichatécnica

Motor: 1.6 turbo THP flex
Potência: 173 cv
Torque:
24,5 kgf.m (a 1750 rpm)
Câmbio:
automático de seis marchas

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação
600
Encontre seu veículo
O ano inicial não pode ser maior que o ano final.
O preço inicial não pode ser maior que o preço final.

Refinar busca

Últimas notícias

ver todas
17 de outubro de 2017
16 de outubro de 2017