Evento

Los Angeles Auto Show: garota, eu vou pra Califórnia

Los Angeles aponta para conversíveis como tendência nos carros de luxo

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 23/11/2015 15:11 Taciana Góes /Diario de Pernambuco
Mini Cabriolet - Newspress/divulgação Mini Cabriolet
Nada de ar-condicionado e vidro fechado. O Los Angeles Auto Show revela uma tendência que pode tomar conta das ruas, os conversíveis de luxo. Fiat, Mini, Mercedes-Benz e Land Rover estão entre as montadoras que exibiram seus possantes. Uma das estrelas sem a capota é o clássico reeditado Fiat 124 Spider, símbolo da marca italiana há 50 anos. Recriado em parceria com a Mazda, o carro divide chassi e interior com o MX-5. O roadster exibe detalhes e design retrôs. O motor 1.4 turbo, com 160 cv, é o mesmo do Abarth. Seu câmbio manual é de seis marchas, mas será oferecida opção automática. A nova geração do Mini conversível, lançada no mês passado, passou por mudanças e chegou mais comprido (+9,8 cm) e com espaço interno ampliado. O porta-malas aumentou para 215 litros (capota fechada). O teto retrátil fecha em 18 segundos, desde que a velocidade máxima seja de até 30 km/h. O motor 1.5 de três cilindros a gasolina desenvolve 136 cv e a transmissão pode ser manual ou automática (ambas com seis velocidades). Uma nova opção de entrada será vendida com motor 1.2 a gasolina de 102 cv.
Mercedes AMG S63 cabrio  - Dave Conklin/Divulgacao Mercedes AMG S63 cabrio
Pronto para desembarcar no Brasil em 2016, o Evoque conversível teve sua estreia oficial em Los Angeles. Apresentado pela marca como o primeiro compacto premium conversível, o carro de três portas terá as mesmas versões do original, SE Dynamic e HSE Dynamic. A capota abre em 18 segundos com velocidades de até 48 km/h.
Evoque conversível  - Dave Conklin/Divulgacao Evoque conversível
A Mercedes-Benz caprichou com o SL 550, assim como sua divisão de preparados AMG com o S63 cabrio. No estiloso SL 550, o motor é o mesmo 4.6 l turbo V8 com 449 cv, com transmissão automática de seis velocidades, mas o incremento é na tecnologia. O roadster tem sistema de controle capaz de conduzir o carro. Já o AMG S63 Cabriolet tem belo visual e motor twin-turbo de 5.5 litros V8 de 585 cavalos.
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação
600
Encontre seu veículo
O ano inicial não pode ser maior que o ano final.
O preço inicial não pode ser maior que o preço final.

Refinar busca

Últimas notícias

ver todas
21 de setembro de 2017