Coluna

Na coluna do dia 1/11, jornalista Jorge Moraes comenta o protagonismo dos carros autônomos em Tóquio

Célula de hidrogênio também foi destaque, Audi Center venderá TT cabriolet e RS3

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 03/11/2015 14:48 Jorge Moraes /Diario de Pernambuco

O carro autônomo

Vai acontecer sim. O processo é irreversível e será opcional para os consumidores que optarem pela tecnologia. Assim como os carros movidos a hidrogênio. Vale destacar que nos países do Primeiro Mundo isso acontecerá até 2020. O GPS controla e calcula a a melhor rota e o "pseudo" dono da direção ficará no acompanhamento do processo, ou melhor, na preguiça. Vai funcionar? Sim. Sem a emoção de conduzir o veículo (se for esportivo siga o conselho: não opte). Valerá a possibilidade de muito cansado, na volta do trabalho para casa, você relaxar e curtir a tecnologia que acelera, freia e previne obstáculos. Testei durante a semana no Japão e confesso que gostei muito. Principalmente por causa do fuso horário em relação ao Brasil. Espero que em nosso país alguém se manifeste porque não quero adormecer meu sonho ou melhor escrevendo: deixar de listar esse novo desejo.

A Daihatsu
Fabricante de carros compactos, que pertence a Toyota, é sinônimo de alegria e promove o estande mais divertido e mais criativo do #TMS leia-se #tokyomotorshow. Pocket show de mágica tá no meu Instagram para quem desejar ver. @jorgemoraes só curtir por lá.

Nissan GT-R
O Godzilla será vendido no próximo ano no Brasil. O anúncio foi feito aqui no Japão pelo presidente da Nissan, François Dossa, no centro de engenharia da marca em Oppama. Primeiro chega a versão original de 3.8 V6 biturbo 550 cavalos. O preço? Ninguém fala sobre.

Sobra tecnologia

 

Jorge Moraes/DP/D.A Press
 

 

Na Honda saiu da caixa com o NSX (foto) e deu carga no Civic Type-R. No local, destaque também para as motos, entre elas a Africa Twin, que será vendida no Brasil. Os motores 1.0 e 1.5 turbo são nota 10 na entrega do fun drive (direção divertida)

A velocidade é...
30 Km/h em Tóquio. Ninguém reclama, todo mundo anda e em alguns trechos 50 Km/h. Aqui ninguém buzina e o respeito é absoluto. Um sonho, não existe assalto e o taxista é um dos mais educados. Esse lugar existe.

Célula de hidrogênio
Está cada vez mais claro o encaminhamento da tecnologia para o mercado futuro. Os veículos movidos a célula de hidrogênio estão na mira dos fabricantes japoneses. Toyota Mirai e Honda Clarity em alta. Dirigi o primeiro e no próximo domingo vou escrever minhas expressões.

Auto Motor
Na volta do Salão de Tokyo com um super programa que será exibido com imagens e passagens exclusivas no Auto Motor da TV Clube/Record. Para entrar no clima, neste domingo, às 8h30, já mostramos alguns lances direto do Japão.

O recado de Ghosn
Na coletiva mundial da Nissan, o presidente da aliança, Carlos Ghosn, conhecedor na ponta da língua de mercados como o da Indonésia, Japão, Estados Unidos e Índia, respondeu a pergunta da colega do portal G1 sobre o nosso momento difícil de mercado: "primeiro o Brasil precisa resolver a política. Depois voltará a andar".

Audi Center
A concessionária entendeu, mesmo na metade do caminho, que não poderia ficar de fora do mercado de alta performance. Ainda em reforma na Imbiribeira e devendo um ponto de vendas na Zona Norte, quando o mercado voltar a crescer, claro, Polyana Dominici, diretora da loja, brinda a chegada de modelos como o TT cabriolet e o RS3. Carros em estoque.

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação
600
Encontre seu veículo
O ano inicial não pode ser maior que o ano final.
O preço inicial não pode ser maior que o preço final.

Refinar busca

Últimas notícias

ver todas
28 de março de 2017