Diário de Pernambuco
  • (17) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Revisão - Facadas mais frequentes

Fabricantes estipulam prazos cada vez menores para plano de manutenção, o que aumenta custos em garantia. Mitsubishi empurra itens desnecessários desde três meses de uso


Bruno Freitas - Estado de Minas

Publicação: 30/03/2011 16:54 Atualização:

'Revisão especial' da L200 Triton sai a R$ 218,13, mas não está no site da marca (Mitsubishi/Divulgalção)
'Revisão especial' da L200 Triton sai a R$ 218,13, mas não está no site da marca

 

Antes de comprar um carro zero-quilômetro, é melhor ficar atento às revisões. Fabricantes têm oferecido prazos cada vez mais curtos para o serviço, a partir de três meses de uso, o que pode aumentar os gastos durante o período de garantia. A primeira marca a adotar a tática foi a Ford, que estabeleceu revisões a cada 6 meses ou 10 mil quilômetros há cerca de três anos, como admite o próprio supervisor de serviços técnicos da marca, Reinando Nascimbeni. “Fomos a primeira marca que adotou esse tipo de revisão. Não adianta o fabricante oferecer um prazo muito longo, como a cada 12 meses, se a média de quilometragem de um carro popular é de 15 mil quilômetros por ano”, defende o executivo.

Em contrapartida ao argumento de Nascimbeni, as revisões do Ka no primeiro ano de uso custam o dobro que nos concorrentes Chevrolet Celta e Fiat Mille, que não incluem troca de óleo. Nos 12 meses posteriores à compra, o proprietário do compacto da Ford vai desembolsar no mínimo R$ 152 e R$ 200 para a execução dos serviços, fechando a conta em R$ 352 com mão de obra incluída. Na revisão de seis meses ou 10 mil quilômetros do Ford são trocados óleo, filtros de óleo e de combustível, enquanto na segunda revisão, de 12 meses ou 20 mil quilômetros, fazem parte da cesta óleo, filtros de óleo, de combustível, de ar e separador.

Enquanto isso, na revisão inicial do Celta, de 12 meses ou 10 mil quilômetros e que custa R$ 150, são substituídos filtros de combustível, de sistema de ventilação ou ar-condicionado, dependendo da versão do modelo. A Fiat estabelece a primeira revisão do Mille aos 12 meses ou 15 mil quilômetros, ao custo de R$ 156, incluindo a troca de lubrificante Selènia, filtros de óleo, de combustível e de ar, mais mão de obra.

A mesma tática de revisões a cada seis meses ou 10 mil quilômetros é utilizada pela Volkswagen, incluindo o Gol G4 e o Novo Gol 1.0 equipados com ar-condicionado. Nos modelos de entrada da marca alemã, as duas primeiras revisões custam R$ 168 cada e incluem a troca de óleo do motor e filtros de óleo e de combustível, sendo a mão de obra gratuita somente no serviço inicial. Para Fox 1.6 e SpaceFox, os valores da segunda revisão são maiores que o da primeira revisão (veja tabela). Questionada por Veículos, a Volkswagen alega que “o objetivo do menor prazo das revisões é garantir maior durabilidade e valorização do produto”.

CURTO DEMAIS Na linha Mitsubishi, o prazo para início das revisões é ainda menor, a partir de três meses ou cinco mil quilômetros, embora o fabricante considere o primeiro serviço uma “revisão especial”, com troca de óleo e mão de obra, sendo esta gratuita. A “revisão especial”, porém, não consta na tabela Mit Revisão Programada do site do fabricante, que considera somente as revisões a cada seis meses ou 10 mil quilômetros. “Os intervalos foram estabelecidos por critérios técnicos de engenharia para assegurar o correto funcionamento do veículo e a durabilidade dos componentes”, alega a Mitsubishi, via assessoria de imprensa.

Na concessionária Kami, em Divinópolis (Região Centro-Oeste do estado), o preço da “revisão especial” da L200 Triton é de R$ 218,13, adicionando troca do filtro de óleo por R$ 41,14, o que contradiz a própria marca. “Geralmente, essa revisão é uma troca de óleo e filtro somente. Mas a gente costuma falar que a primeira revisão, de verdade, é a de seis meses”, afirma um supervisor de serviços da concessionária. Para as revisões de seis meses ou 10 mil quilômetros e 12 meses ou 20 mil quilômetros da picape, o funcionário da Kami ofereceu o aditivo para limpeza do tanque de combustível Fuel Cleaner, empurrado pela Mitsubishi em todas as revisões de seus modelos.

O preço da “revisão especial” do Pajero TR4 na Mit Car, em Belo Horizonte, é de R$ 205. “Trocamos o óleo do motor, anel do bujão do cárter e um aditivo para tratamento do motor, colocado junto com o óleo do motor para amenizar o processo de amaciamento. É um produto que também evita a formação de borra”, empurra um supervisor da autorizada.

Exemplo japonês
No caso dos Toyota Corolla 1.8 fabricados até 20 de março de 2010, a marca japonesa recomenda a troca de óleo a cada 5 mil quilômetros. Mas a troca não precisa ser feita obrigatoriamente na concessionária. Desde que o proprietário utilize o óleo 10w40 semissintético recomendado pelo fabricante e guarde a nota fiscal da troca de óleo, a garantia é mantida.

Toyota dá o bom exemplo e não exige que as trocas de óleo do Corolla sejam feitas na concessionária (Toyota/Divulgação)
Toyota dá o bom exemplo e não exige que as trocas de óleo do Corolla sejam feitas na concessionária


Valor das revisões no primeiro ano

 

MITSUBISHI
L200 Triton diesel
6 meses ou 10 mil km
Preço: R$ 456
Itens trocados: óleo do motor, filtros de combustível e de óleo, arruela de bujão do cárter, Fuel Cleaner, mais mão de obra
12 meses ou 20 mil km
Preço: R$ 456
Itens trocados: óleo do motor, filtros de combustível e de óleo, arruela de bujão do cárter, Fuel Cleaner, mais mão de obra
Total: R$ 912

Pajero TR4 flex
6 meses ou a cada 10 mil km
Preço: R$ 393
Itens trocados: óleo do motor, filtros combustível e de óleo, arruela de bujão do cárter, Fuel Cleaner, mais mão de obra
12 meses ou a cada 20 mil km
Preço: R$ 471
Itens trocados: velas de ignição, óleo do motor, filtros combustível e de óleo, arruela de bujão do cárter, Fuel Cleaner, mais mão de obra
Total: R$ 864

VOLKSWAGEN
Fox 1.6 (com ar) e SpaceFox
6 meses ou 10 mil km
Preço: R$ 168
Itens trocados: óleo do motor, filtros de óleo e combustível
12 meses ou 20 mil km
Preço: R$ 460,79
Itens trocados: óleo do motor, filtros de ar, combustível, óleo e pólen
Total: R$ 628,79

FORD
Fiesta, New Fiesta, Courier, Focus e EcoSport
6 meses ou 10 mil km
Preço: R$ 176
Itens trocados: Óleo, filtros de combustível e óleo
12 meses ou 20 mil km
Fiesta e New Fiesta
Preço: R$ 224
Itens trocados: Óleo, filtros de óleo, de combustível, de ar e separador
Total: R$ 400

Esta matéria tem: (17) comentários

Autor: washington gomes
Corroboro os comentários a respeito das revisões da Fiat. A de 15mil do meu Linea ficou em $180, fiz tb alinhamento por um preço competitivo. Tb tenho um Celta e a primeira revisão é aos 10mil, que é mais cara que a do Linea e ainda me arrancaram os olhos da cara na troca de óleo. I30 1ª rev.: $700 | Denuncie |

Autor: André Amorim
Pois é, Álvaro. O I30, por exemplo. 5 anos de garantia mas o cliente cai nas mãos do lixo chamado CAOA. O carro que atraía pelo design e preço, vira um ladrãozinho de dinheiro. No Brasil esse tipo de coisa não dá certo. Tem que ser 1 ou 2 anos mesmo. Fazendo revisões preventivas, não tem erro. | Denuncie |

Autor: Alvaro Brito
Recomendação basíca: Quando comprar um carro tem que ver o custo das revisões até o final da garantia! Se brincar, quando acabar a garantia você já terá pago mais de 10% do valor do bem... Só em revisões! Revisão é uma mina de dinheiro! | Denuncie |

Autor: VINICIUS OLIVEIRA
ééé dia-a-dia VW , Fiat, Ford, GM estão perdendo espaço... as revisões das mesmas não estão competitivas!!! | Denuncie |

Autor: André Amorim
Já testei algumas vezes o pós-venda da FIAT e é excelente. Sempre o faço por email e acho o atendimento perfeito. Sempre me retornam rapidamente. Quando precisei, fui muito bem atendido. O pós-venda da Ford é lamentável. Só tem o Focus que é "comprável". Mesmo assim, não compraria. Fujo como o Bolt! | Denuncie |

Autor: CLEITON PEREIRA DA SILVA
-Agora quero alertá-los leiam bem a garantia -pois quando precisar não vai poder usar -beneficios temos 10 //perda da garantia 1000 itens.É UMA VERGONHA ESSAS GARANTIA.- | Denuncie |

Autor: André Amorim
Jorge, a Fiat parcela em 4x também .Sabe quanto ficou a revisão dos 30.000km d Punto HLX (1.8)? 4x89!! E a dos 15.000km ficou uns R$ 160,00. A Ford "ranca" até as pregas do cara. Fujo dessa porcaria com força! | Denuncie |

Autor: CLEITON PEREIRA DA SILVA
-olha a revisão do Sandero: 40.000 Anel, Filtro de Ar, Filtro de Combustível, Filtro de Óleo, Lubrificante Elf Competition TX 10W40, Mão-de-obra, Velas R$ 505,00 //10.000 Anel, Filtro de Óleo, Lubrificante Elf Competition TX 10W40, Mão-de-obra R$ 131,00 // -É MUITO CARO - | Denuncie |

Autor: Jorge Tocafundo
Alvaro, em outra re-portagm eu comentei que fiquei 5 anos sem carro, só taxi. Comprei um em maio2010 e concluí que é MUITO mais barato andar de taxi. Só é preciso telefonar pra central que aparece um rapidão e com motorista, aí não se paga seguro, IPVA, lavar, trocar óleo, manutenção,etc,etc, e...etc | Denuncie |

Autor: Jorge Tocafundo
A>Andrão, eu e meu cunhado levamos o Punto da minha cunhada pra primeira revisão por prevenção(pois mulher bate carro fácilmente, vc sabe) e o preço foi tão alto que ficamos com os braços pra cima...foi na scuderia em Betim mas tem motivo, a criminalidade em Betim é muito alta, até fabricam Fiat..! | Denuncie |

Autor: Jorge Tocafundo
A Ford faz em 4 vezes no cartão sem aumento pra pobretões como eu, na reportagem deveria constar este detalhe. gostaria de saber o que quer dizer 'separador' que consta na lista da segunda revisão, desconheço o ítem...será acessório pra divórcio? | Denuncie |

Autor: Danilo Silva
quer comprar carro mas não quer trocar óleo? então anda de busão que é mais barato !!! | Denuncie |

Autor: Alvaro Brito
Não basta o IPVA SEGURO TX DE LICENCIAMENTO FUTURA TX de inspeção anual imposto da gasolina...Agora todo mundo quer meter a mão no carro. Daqui a pouco sai mais barato alugar um mensalmente igual à TV a cabo... do que ter um... ACORDA BRASIL!!! | Denuncie |

Autor: André Amorim
DICA: Em concessionária eles sempre tentam empurrar uns serviços/trocas desnecessárias. Faça somente o que constar no plano de revisão. | Denuncie |

Autor: André Amorim
A revisão da FIAT é a cada 15.000km. Porém, é recomendado trocar o óleo por volta de 7.500km. Sempre fiz isso e foi tranquilo. Já tive 4 Fiats e só manutenção preventiva. Como não tentaram me roubar, fiz na concessionária mesmo e valeu a pena. | Denuncie |

Autor: Mauro Silva
Não é o que me disseram na rede Toyota. Disseram que a revisão (troca de óleo apenas) tem que ser feita obrigatoriamente na rede autorizada (que como se sabe cobra o triplo do preço). Agora vou fazer a troca no posto comum e guardar a NF, sob a palavra do VRUM. | Denuncie |

Autor: Paolo Valotto
Isso é só para encher os bolsos das Concessionárias. Não tem necessidade de troca de óleo antes de 10 mil. A FIAT, que é tão criticada exige a troca a cada 15mil. Os oleos atuais não se deterioram em menos de um ano. Desse jeito qq marca pode dar seis anos de garantia, a JAC é um exemplo. | Denuncie |

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro, Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »


ofertas em destaque